ÚLTIMAS NOTÍCIAS


22/10/2016

Terror chega a Araraquara

A incursão do designer Daniel Muniz, 36, pelo mundo literário teve início há pelo menos 15 anos quando atuava como ator profissional. Também estudou publicidade na Uniara. Fez parte da expressiva Cia Burucutu durante cinco anos e também trabalhou com Pedrinho Vono, com quem fez muito circo e realizou diversas atividades como o projeto escola. Hoje se dedica à literatura e à computação gráfica, 3D, enfim, tudo o que for ligado a arte e que tenha a ver com escrita, roteiro, animação, desenho, jogos eletrônicos. “Atualmente estou envolvido 100% nisso”.
O livro surgiu do desejo de montar um jogo, um game de ação, ficção, pois adora, mas um dos grandes obstáculos para se montar um jogo sozinho é que é um processo, segundo ele, árduo e demorado. “Tem como montar, mas você fica de cinco a dez anos fazendo. Resolvi que queria algo mais concreto, que tenha mais facilidade, acesso e contato mais rápido das pessoas”, explica.
Assim, surgiu a ideia de escrever um livro onde pudesse colocar todas as suas ideias e vontades. Teve essa concepção e foi criando a obra com paciência e disciplina. O segmento escolhido foi o suspense, principalmente por acreditar que o mercado literário busca esse estilo e também histórias fantásticas. Assim resolveu escrever uma história a la Stephen King.
O título do livro fazendo jus ao nome (em razão do número três) mudou três dias antes da publicação. Era para ser intitulado ‘Monstro de tinta’, mas para evitar problemas futuros por conta de um outro livro, a solução foi modificar o nome. “Percebi que o livro tinha muito a ver com o horário. Levei a proposta para Kátia (revisora do livro) e algumas pessoas de confiança e bingo! Assim a história começa!”, conta.
Daniel aproveita para agradecer ao apoio da família, principalmente do irmão João Pedro Muniz, Kátia Batista, ao apoio de Adna Dolorice e Luzia Anacleto Martins.
O livro sai pelo Clube de Autores e o e-book pela Amazon. As pessoas interessadas em adquirir o livro devem entrar na página de Dan M onde podem linkar o blog/site. A média de preço é de R$ 32,90 (mais o valor do frete) e o e-book sai por R$ 13,00.

Processo de criação

A capa é de autoria do próprio Daniel. Para desenvolver a obra, o autor conta que primeiro fez uma pesquisa, esboços por cenas da criação dos personagens e dividiu o livro em sete capítulos. “Trabalhei o psicológico dos personagens e o motivo central da história, o enredo, a razão de ter acontecido aquilo. Todo o processo de criação demorou uns cinco meses”, relata.
O livro narra a história de Valter e Aline, que têm um filho com paralisia cerebral, o Gabriel. O casal reside na capital (lembrando que o autor não gosta de situar países ou cidades, ou seja, a história, poderia ter ocorrido em qualquer lugar do mundo, porém as indiretas são como se morassem no Brasil) e resolve vir para o interior fugindo da criminalidade e em busca de mais segurança. Assim, deixam os familiares e vêm para o interior e se mudam para Hidras, que tem esse nome por conta da quantidade de rios e lagos. Uma cidade bucólica, pacata, pequena, onde conseguem comprar uma mansão antiga situada no campo em frente a um maravilhoso lago.
Depois de instalados no campo, vão conhecer a cidade de Hidras e Aline, enquanto o marido vai a um aloja de pesca, acaba conhecendo uma mulher muito estranha, que bate no vidro do carro e pergunta que horas eles chegaram na cidade. Ela acha a informação estranha e pede que o casal se mudasse urgentemente da casa.
Quando o marido chega da loja, encontra a esposa totalmente estática, mas a mulher já não estava mais. Ele pergunta se está tudo bem. Ela conta a história da mulher. Ele desconversa e para tranquilizá-la diz que a mulher deve estar cansada e que tudo não deveria passar de uma brincadeira. A partir daí e de uma canoa presa às margens do lago, coisas surpreendentes começam a acontecer.

Imprimir está pagina
« Voltar




Veja também

25/04/2017

Sesi Araraquara apresenta ‘Tragédia: uma Tragédia’


24/04/2017

Marco Luque apresenta seu novo espetáculo em Araraquara


24/04/2017

Araraquara divulga programação do Pint of Science


22/04/2017

Choro das Águas reúne MPB, contação de histórias e artesanato


21/04/2017

Morgana Kurmann lança single 'Hurricane' com direito a videoclipe


21/04/2017

Evento em Guarulhos pode fortalecer as relações comerciais de Araraquara com países africanos


Com mais de 86 anos de tradição informando Araraquara e região!

SIGA-NOS

Copyright Jornal O imparcial 2016. Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita da Jornal O imparcial Araraquara


by Webcaipira