ÚLTIMAS NOTÍCIAS


14/07/2017

Torture Squad e Noturnall agigantam Araraquara Rock

“Sábado extremo” conta com apresentações de sete bandas e promete ficar na história do festival



 


Sábado, dia 15, o Araraquara Rock chega ao seu terceiro dia de shows, sendo a segunda noite de eventos no Teatro de Arena Prefeito Benedito de Oliveira. A programação absolutamente vibrante promete marcar a história do festival, com apresentações de bandas renomadas e ótimas revelações do rock pesado: será um “sábado extremo”! Para se ter uma ideia, a noite conta Torture Squad e Noturnall – nomes absolutamente incríveis e de força total do cenário metal.

Quatro bandas selecionadas e três convidadas incendeiam o sábado: as meninas da Sinaya, o duo de Araraquara Os Capial, a banda sãocarlense Dysnomia e Toxic Death, outra araraquarense, abrem a programação. Hell Side e as citadas Torture Squad e Noturnall chegam pra fechar a agenda deste penúltimo dia.

O Araraquara Rock é realizado pela Secretaria Municipal da Cultura e Fundart, com o apoio do Sesc Araraquara, sendo totalmente gratuito. Vale destacar que haverá um ponto de coleta para a Campanha do Agasalho – assim é solicitado ao público que seja solidário, doando um agasalho em bom estado de conservação. Os portões do Teatro de Arena estarão abertos a partir das 17 horas, sendo o início dos shows às 18 horas.

O Teatro de Arena Prefeito Benedito de Oliveira está localizado no bairro Melhado, à Av. Adhemar Pereira de Barros, s/n°. Mais informações sobre a programação do Araraquara Rock podem ser conferidas no site da Prefeitura de Araraquara ou pelo Facebook do evento (Araraquara Rock 2017 "Mama, I'm Coming
Home").

Confira as atrações do sábado:

18h - Sinaya

Sinaya é uma banda de Death Metal, formada exclusivamente por mulheres e fundada em 2010 na cidade de São Paulo. Depois da gravação do primeiro EP, houve uma grande repercussão nacional devido à ótima execução e composição musical. Em 2015, com novo produtor, mostraram uma grande evolução musical e, assim, no ano seguinte abriram show do Exodus (EUA) no Carioca Club, além de terem sido convidadas a participar do maior festival de metal do Peru, o Lima Metal Fest, na qual fez parte da primeira turnê Sul Americana da banda, passando pela Argentina, Bolívia e Peru. Sinaya é: Mylena Mônaco, Renata Petrelli, Camila Toledo e Cynthia Tsai.

18h50 - Os Capial

Formada no começo de 2014, o duo toca um Grind/Death e tem no nome a homenagem ao trabalhador braçal do campo já que o seu trabalho musical é igualmente pesado como um serviço braçal, além de apresentar uma singela homenagem às origens caipiras. A banda se apresentou em alguns festivais e shows fora do Estado, dividindo palco com alguns ícones da musica extrema. Com dois CDs lançados, a banda espera lançar seu terceiro álbum este ano. No Facebook e Youtube, procure por: /oscapial.

19h40 - Dysnomia

A banda de São Carlos iniciou suas atividades em 2006. Apostando em um som agressivo, com influências de Thrash e Death Metal, o quarteto lançou seu debut intitulado Proselyte no ano passado, com sete faixas inéditas e uma regravação. O nome “Dysnomia” tem sua origem na divindade grega de mesmo nome, que remete ao conceito da desobediência civil e desrespeito às leis. Saiba mais sobre a banda no Facebook: /dysnomiabr.

20h30 - Toxic Death

Toxic Death é mais uma banda de Araraquara. Formada em 2014, a banda apresenta seu Thrash/Death metal, com músicas agressivas e um vocal gutural forte e marcante. A influência da banda e o foco para compor são voltados ao cenário underground oitentista e anos noventa, com fortes influências de Sepultura, Slayer, Exodus, Obituary, Morbid Angel, Suicidal Tendencies, Pantera, Napalm Death. Sua formação conta com João Leopoldo Morandini (guitarra), Fernando Moura (baixo/vocal) e Marcelo Rocha (bateria).

21h20 - Hellside

A araraquarense Hell Side, formada em 1989, faz um som que gira em torno do Hardcore, com letras que atacam principalmente o capitalismo, os preconceitos e os abusos contra a natureza e os animais. O quarteto faz um som próximo do crossover com pitadas grind e crust. ''The day that laugh died'' foi o primeiro trabalho de estúdio gravado em K7, em 1992. Em 2012, após um período de inatividade o Hellside retorna aos palcos e grava ''Extinção''. O mais recente trabalho recebe o título de ''Troca desigual''. Hellside tem: Flavinha Antunes (guitarra), Serginho (baixo), P.P. (bateria) e Zaba (vocal). No Facebook: /hell.side.3.

22h20 - Torture Squad

Já a Torture Squad chega ao festival com seu Death/Thrash Metal e diversas turnês internacionais na bagagem, reforçando o nome como um dos grandes destaques da cena metal paulistana. A banda começou em 1989, na Zonal Sul da cidade de São Paulo, e já contou com diversas formações. Tocando no underground da cena metal paulistana, a banda tem um trabalho marcado pelo metal agressivo, pesado e técnico.

Com diversos CD e DVD gravados, a banda já excursionou muito pelos principais festivais do país, além de shows por toda Europa - Alemanha, Áustria, Inglaterra, Espanha, Itália, Holanda, Suíça e República Tcheca, entre outros – e pela América do Sul, passando por Argentina, Paraguai, Chile, Peru, Equador,
Colômbia e Panamá.

Já com a nova formação, a banda grava o EP “Return of Evil”, que conta com quatro músicas. Torture Squad é formado por: Amilcar Christófaro (bateria), Castor (baixo), Mayara Puertas (vocal) e Rene Simionato (guitarra). No Facebook: /torturesquad.

23h30 - Noturnall

A banda já nasceu considerada a nova sensação do rock/metal nacional, não apenas por ser formada por esse verdadeiro "dream team", mas principalmente por trazer uma proposta musical inovadora: música moderna, pesada e agressiva, mas ainda assim melódica e progressiva, como nunca se ouviu.

Noturnall é a banda brasileira de metal progressivo que tem o grande baterista Aquiles Priester (Hangar, ex-Angra) entre seus integrantes. Fundada em 2013, a Noturnall traz para o Araraquara Rock músicas dos seus álbuns e alguns covers, além de temas com fortes críticas à crise política brasileira.

A banda brasileira de metal progressivo foi fundada em 2013, sendo formada pelos integrantes da banda Shaman, com exceção de Ricardo Confessori, juntamente com Aquiles Priester. No início de 2013, a banda Shaman divulgou alguns vídeos com sessões de gravação do que seria o próximo álbum do grupo; mas foi em 2014 o lançamento do primeiro álbum, “Noturnall” e também do primeiro DVD, o “First Night Live”!

Em 2015, a banda lançou seu segundo álbum de estúdio, “Back to F*** You Up!”, um álbum ainda mais direto e pesado do que o primeiro. O conceito do álbum e os temas das músicas possuem fortes críticas à crise política que vive o Brasil.

O “super grupo” do metal nacional é formado pelos ex-membros do Shaman, Thiago Bianchi (vocal), Fernando Quesada (baixo), Léo Mancini (guitarra), Junior (teclado), além do renomado baterista Aquiles Priester.

Endereço:
- Teatro de Arena: Av. Adhemar Pereira de Barros, s/nº - Melhado

Imprimir está pagina
« Voltar




Veja também

21/09/2017

Educação, arte e afetividade traduzem o Festival de Dança


20/09/2017

Duo Anavitória faz show em Araraquara


19/09/2017

Espetáculo “Quixotes (...)” terá temporada em Araraquara


18/09/2017

Karol Oliveira é eleita Miss Araraquara 2017


17/09/2017

Tem tributo a compositores do nordeste no Choro das Águas


15/09/2017

Código Ternário se apresenta na Colombia


Com mais de 86 anos de tradição informando Araraquara e região!

SIGA-NOS

Copyright Jornal O imparcial 2016. Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita da Jornal O imparcial Araraquara


by Webcaipira