Twitter Facebook Contato Instagram
Araraquara, de 2014
Aposentado dirige 30 km na contramão, mata mulher e morre na Washington Luis
21/06/2011 - 10h12min

O carro ficou destruído no acidenteForam sepultados no final da tarde desse domingo (19), os corpos da secretária Maria Helena Lucatelli Antônio, de 39 anos, e do aposentado Luis Roberto Pagotto, de 67 anos, o qual na noite de sábado (18), dirigindo perigosamente e pela contra mão de direção provocou uma tragédia na rodovia Washington Luís em São Carlos.

As Polícias Militar e Rodoviária de São Carlos, Ibaté e Araraquara chegaram a montar três barreiras policiais por cerca de 28 quilômetros, porém mesmo assim não foi suficiente para conter o aposentado que parecia querer provocar a tragédia que tirou sua própria vida e da secretária que seguia para sua moradia em Ibaté.

Na noite de sábado, por volta das 22h, policiais militares e rodoviários foram alertados por motoristas que transitavam pela SP 310 – rodovia Washington Luís, que um Fiat Siena, prata, estaria transitando pela contramão de direção na pista da esquerda, no sentido Araraquara e Ibaté.

Viaturas da PM e da Polícia Rodoviária foram para Washington Luís a fim de parar o motorista e tentar evitar uma tragédia. Após identificar o veículo, que seria o Fiat Siena, cinza, placas ETL 7353, de Araraquara, que havia adentrado a rodovia no quilômetro 267, os policiais rodoviários passaram a realizar buscas e momentos após montaram três pontos de bloqueios policiais, a fim de conter o Siena, porém, o motorista dirigindo perigosamente, conseguiu desviar de uma das barreiras policiais pelo canteiro central em Ibaté e em alta velocidade ainda pela contramão de direção na faixa da esquerda, no km 244, um primeiro veículo conseguiu evitar a colisão e ao tentar ficar na rodovia este veículo acabou rodando e chocando-se contra um barranco. Seus ocupantes tiveram arranhões e comunicaram a Polícia Rodoviária que tentava parar o Siena, que descobriram ser dirigido pelo araraquarense Luis Roberto Pagotto, o qual seguiu com destino a São Carlos, onde após conseguir ultrapassar outros dois pontos de bloqueios na região de São Carlos, no quilômetro 239, o carro veio a colidir frontalmente contra o Peugeot 307, prata, placas KYT  3692 de Ibaté, conduzido pelo analista Anderson Aparecido Antonio, de 38 anos, que tinha como passageira a secretária Maria Helena Lucatelli Antonio, de 39 anos, que transitavam na correta mão de direção com destino a Ibaté. Com o violento impacto, o aposentado e a secretária ficaram presos entre as ferragens. Com ferimentos leves, Anderson foi retirado por populares que acionaram o Corpo de Bombeiros que enviou a Unidade Resgate e equipe de buscas e salvamento, além de ambulâncias do SAMU e da concessionária que administra a rodovia. Após intenso trabalho para desencarceramento das vítimas, os bombeiros conseguiram retirar das ferragens Maria Helena e Luis Roberto, os quais em estado grave foram encaminhados para a emergência do Serviço Médico de Urgência (SMU) da Santa Casa de São Carlos, para onde também foi encaminhado Anderson, que foi medicado e internado em observações, sendo liberado no início da manhã desse domingo.

O aposentado Luis Roberto Pagotto, residia sozinho na vila Xavier em Araraquara e era deficiente físico, devido um acidente que teria sofrido quando estava com 38 anos, quando também teria adquirido uma depressão profunda. Os corpos do aposentado e da secretária foram encaminhados ao Instituto Médico Legal (IML) de São Carlos, onde passaram por necropsia e posteriormente foram liberados para familiares de Ibaté e Araraquara.


voltar


Ver todos os registros relacionados (1357)

powered by Disqus

 
© Jornal O Imparcial - Todos os Direitos Reservados
Av. José Bonifácio, 715
CEP 14801-150
Centro - Araraquara-SP
Tel.: (16) 3336-2022